Violência contra a mulher - mutilação genital (trauma)
Violência contra a mulher – mutilação genital (trauma)
02/06/2016
Cérebro reptiliano
Cérebro reptiliano
02/06/2016
Mostrar todos

Resiliência

Resiliência

Resiliência

Resiliência vem do Latim do verbo Resilire que significa voltar atrás, rebater, ricochetear.

O conceito de resiliência transita entre aspectos físicos, ecológicos, psíquicos e organizacionais. Podemos identifica-lo desde o primórdio da teoria psicanalítica, evoluindo para as diversas áreas da ciência.
Na física – resiliência é a propriedade que alguns corpos apresentam de retornar à forma original após terem sido submetidos a uma deformação elástica.
Na ecologia – resiliência é a capacidade de um sistema restabelecer seu equilíbrio após este ter sido rompido por um distúrbio, ou seja, sua capacidade de recuperação.
Nas organizações – resiliência é a combinação de fatores que propiciam ao ser humano condições para enfrentar e superar problemas e adversidades.
Em termos psicanalíticos e psicológicos – resiliência é a capacidade de o indivíduo lidar com problemas, superar obstáculos ou resistir à pressão de situações adversas, choque, estresse etc., sem entrar em surto psicológico.

Resumindo, no meu entender é a superação das adversidades de forma saudável e construtiva, sendo flexível, acreditando no seu potencial e sabendo aprender com a atitude dos outros.

Alguns exemplos clássicos

01 mandelaNelson Mandela, foi uma figura reconhecida não apenas por seu grande carisma e liderança, mas também pela sua capacidade de enfrentar grandes adversidades ao longo de sua vida, ou seja, a resistência pessoal.

 

02 JK RowlingJ. K. Rowling autora do livro Harry Potter e a Pedra Filosofal. Após um divórcio, ficou sozinha com uma filha pequena para criar, sustentava-se com verbas de auxílio do governo. Tinha dificuldades em pagar as contas e escrevia seu livro em bares, mas não desistiu de apresentar o seu livro para mais de 12 editoras, até que foi aceito. Ela provou que podemos ser bem sucedidos, superando as dificuldades com dedicação. A partir dai a autora só cresceu e hoje está em um patamar altíssimo.

Pessoas resilientes têm a capacidade de dar a volta por cima.

Veja abaixo as características das pessoas altamente resilientes

Elas têm grande capacidade de adaptação.

Pessoas resilientes são flexíveis tanto mental quanto emocionalmente. Sentem-se muito confortáveis em utilizar qualidades e comportamentos aparentemente opostos. São indivíduos que têm facilidade em ser ao mesmo tempo lógicos e intuitivos, sérios e brincalhões, calmos e entusiasmados, fortes e gentis.

Elas esperam que as coisas sempre terminem bem.

São pessoas dotadas de profundo otimismo alicerçado em fortes valores internos. Têm grande tolerância às incertezas e ambiguidades. Conseguem trazer estabilidade em situações críticas ou caóticas.

Elas criam emoções positivas em épocas de crise.

Conseguem mergulhar em situações que para outros são estressantes, porque aprendem ótimas lições de situações negativas. Transformam infortúnios e desgraças em coisas boas e se fortalecem com a adversidade.

Elas aprendem continuamente com a experiência de vida.

Pessoas resilientes assimilam rapidamente experiências novas ou inesperadas e agregam facilmente essas mudanças às suas vidas. Mesmo em meio à crise elas riem e experimentam emoções positivas. Esse comportamento emocional ajuda a liberar a oxitocina e as endorfinas, substâncias preciosas que auxiliam a enfrentar situações de grande pressão.

Elas sabem se defender.

Quando confrontadas com ataques e manobras mal-intencionadas elas evitam e boqueiam essas ações, sabem respondê-las buscando também apoio, aliados e recursos adequados para o enfrentamento.

Elas têm uma sólida autoestima.

A autoestima é como você enxerga a si mesmo e determina o quanto você aprende quando algo deu errado. A autoestima faz com que você respeite a si mesmo e aos outros, e saiba aceitar críticas sem ressentimentos, bem como elogios e cumprimentos, sem se ensoberbecer ou tornar-se arrogante.

Elas têm amizades e relacionamentos saudáveis.

Existem inúmeras pesquisas mostrando que o apoio social é essencial para a resiliência. Mesmo que você seja introvertido, se você tiver uma pessoa de confiança com quem possa conversar sobre sua situação, isso pode ser extremamente útil. Pessoas solitárias estão mais sujeitas a condições de estresse. Falar com amigos, familiares ou
mentores diminui o impacto das adversidades e aumenta o sentimento de autoestima e autoconfiança.

Elas são criativas e intuitivas.

São indivíduos que analisam os problemas e dificuldades sob vários ângulos e descobrem várias soluções diferentes para eles. Sabem e reconhecem a importância da intuição como fonte de dicas e orientações. Procuram constantemente desenvolver a criatividade expandindo, assim, a inventividade e a busca de novos horizontes profissionais.

Elas melhoram a cada ano que passa.

A medida que o tempo passa tornam-se cada vez mais resilientes, alertas, competentes e de temperamento jovial. Gastam menos tempo tentando sobrevier e concentram-se em viver ativamente o presente, mirar para o futuro e superar crises prontamente. Pessoas resilientes invariavelmente fazem com que seu futuro seja maior do que o seu passado, pois não repousam em suas conquistas e fazem com que seu aprendizado seja sempre maior do que a experiência já adquirida.

Características – baseado no livro “O Poder da Liderança”, de Ernesto Artur Berg.

A maior glória não está em nunca cair, mas sim em levantar-se sempre, depois de uma queda.- Confúcio

J. Pedro Parisotto Jr.

J. Pedro Parisotto Jr.

Psicanalista Clínico
J. Pedro Parisotto Jr.

Últimos posts por J. Pedro Parisotto Jr. (exibir todos)

J. Pedro Parisotto Jr.
J. Pedro Parisotto Jr.
Psicanalista Clínico

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *